segunda-feira, 1 de novembro de 2010

SOBRE A CARTA ABERTA NA ULTIMA HORA:

DADOS SUPER PEDIDOS SOBRE O VALOR DA DÍVIDA PÚBLICA. HÁ MUITA CONFUSÃO E RECORRO AO TABALHO DE UM ESPECIALISTA NO TEMA, APESAR DE CONSERVADOR, ACOMPANHA COM EXTREMA SERIEDADE OS DADOS DAS VÁRIAS DÍVIDAS PÚBLICAS DO PAÍS. TRATA-SE DE Ricardo Bregamini, cujo site é da melhor qualidade sobre esta temática;

Dívida Líquida
Total da União (Interna e Externa)
Fonte MF - Base R$ bilhões.
Itens 1994 % PIB 2002 % PIB Ago/10 % PIB
DMIM 32,1 9,19 558,9 37,82 1.524,6 45,62
DMIBC 33,5 9,59 282,1 19,09 659,6 19,74
DET 22,2 6,35 262,9 17,79 93,5 2,80
Total 87,8 25,13 1.103,9 74,70 2.277,7 68,16
Legenda: DMIM - Dívida Mobiliária Interna em Poder do Mercado;
DMIBC - Dívida Mobiliária Interna em Poder do Banco Central;
DET - Dívida Externa Líquida.


Pode-se ver claramente que a afirmação de que o governo Fernando Henrique é um exemplo de rigor fiscal é um atrevimento contra os fatos. Nenhum economista sério ou mesmo qualquer cidadão honesto pode considerar que elevar a dívida pública da 87 bilhões de reais para 1,103 trilhões de reais em oito anos (um aumento de mais de 11 vezes!) sem aumentar os gastos em investimento, em educação, em saúde, etc. é um caso de DISCIPLINA FISCAL...



ESPERO NÃO RECEBER MAIS CONTESTAÇÕES NA BASE DO DESCONHECIMENTO DOS DADOS. Não faço afirmações improvisadas ou “ideológicas” ou partidários quando se trata de analisar a realidade. Sobretudo quando se trata de assuntos sobre os quais venho trabalhando sistematicamente há 50 anos. Os mesmos dados contundentes podria dar sobre a queda das hiperinflações dos anos 80 em princípio dos 90 em todo o mundo, sobre a inflação nos anos 94 a 2002, sobre o câmbio fixo de 1994 a 1999 (janeiro), sobre as divisas que tinha os país em 2002, etc. etc. Houve uma enxurrada de contestações de pessoas que não têm nenhuma informação séria sobre os dados e não há tempo para contestar a todas. Lamento. Vejam meus livros e artigos no meu blog e no website da reggen ou mesmo nas minhas milhares de entradas no google. Para os enfezados: não sito estas coisas para vangloriar-me e sim porque são instrumentos de trabalho sérios à disposição de quem tenha um real interesse pelos temas discutidos na véspera da eleição mas que são preocupação permanente dos cientistas sociais preocupados com o destino do país.



Theotonio Dos Santos



Theotoniodossantos.Blogspot.com

4 comentários:

Flugemeos disse...

Bacana, senhor Theotonio. Principalmente "Não faço afirmações improvisadas ou “ideológicas” ou partidários quando se trata de analisar a realidade."

A mídia também adora reinventar ou brigar com a realidade dos fatos.

Abraços,

fernando luz disse...

Maquiar superávit é fácil pra qualquer iniciante de contabilidade... Isso infelizmente o atual governo faz muito bem.. e vende as empresas estatais sem conhecimento do povo. Que tal verificar as atas das estatais.

fernando luz disse...

Maquiar superávit é fácil pra qualquer iniciante de contabilidade... Isso infelizmente o atual governo faz muito bem.. e vende as empresas estatais sem conhecimento do povo. Que tal verificar as atas das estatais.

Anônimo disse...

Prof.Não esquenta estes criticos só asistem ao JN.

Busca